Translate

quinta-feira, 26 de junho de 2014

Falta moradia no Brasil

casa popular
casas populares
apartamento popular
conjunto habitacional 











Somos um pouco mais de duzentos milhões de brasileiros, vivendo num país que ocupa a quinta posição geográfica mundial, pela sua extensão territorial. As famílias que viveram no campo tiveram que migrar para as cidades, em busca de trabalho e uma melhor estrutura familiar. Não houve incentivos dos governos desde longas datas. Se o governo municipal, estadual, e federal, tivessem unidos, há muitos anos atrás, e olhado para o povo do campo, e construído escolas técnicas, onde esses brasileiros pudessem ter aprendido como lidar com a terra, e nela ter ficado morando e sustentando os seus desejos e a sua família, teria sido muito melhor com toda certeza! Para eles, para o Brasil e toda humanidade. É evidente que nenhum brasileiro ia trocar o lugar onde nasceu para buscar num lugar desconhecido, o que ele poderia ter conseguido no campo, onde ele conhecia muito bem. As cidades do interior, hoje estão todas com a sua população volumosa, tem cidades coladas uma na outra, você sai de uma cidade olha para trás ela lhe deseja boa viagem! Para você não esquecê-la e voltar sempre! Você segue em frente, anda poucos quilômetros, já é recebido com boas vindas! Por outro município. Nas Capitais você atravessa certa rua, não sabe se paga o imposto para o Zé ou para Mané, porque na hora de tapar os buracos ninguém quer! Mas para receber o dinheiro do imposto todos brigam, e dizem que ali é terra demarcada faz parte desse município, é para mim que você paga! Deus lhe pague. A todo instante surge um novo empreendimento imobiliário, dizendo que é obra de tal governo, para acabar com a falta de moradia daquele lugar. A demanda por moradia é sempre muito grande em qualquer cidade. Chega um governante e constrói umas casinhas, bem coloridas, coladas uma nas outras, ou um grande conjunto de prédios, no mesmo padrão das casinhas, apartamentos pequenos, coloridos, num lugar bem vistoso. Nesses conjuntos habitacionais, não tem uma árvore plantada, não tem uma praça, nem um jardim, o comércio é desordenado, as escolas são poucas longe e abandonadas, não tem hospitais; Para trabalhar o povo tem que  andar  muitas horas. As prestações são de valores baixos, mas os financiamentos são extremamente longos, ninguém faz essa conta, porque precisa de um lugar para morar e viver com a sua família. O bom é que a cada esquina nasce uma igreja! E o padre ou o pastor fala que ali só tem filho de “Deus” que estão todos salvos de todos os males, se pagar o dízimo, e o povo grita amém! Tem gente morando nas ruas, nas praças, por debaixo das pontes por todos os lados, é de fazer pena em saber que o nosso país é tão rico e tem gente morando nessas condições, pior do que qualquer animal. Surge uma luz, uma estrela! E fala que não falta moradia no Brasil, porque hoje tem crédito e movimento de empreendimentos imobiliários por todos os cantos deste Brasil. Se gostar pode enviar este texto para qualquer pessoa, muito obrigado. Eu sou Nelson Alves do blog nelsoarcoiris.blogspot.com.br.